Detetive RPG BR
Seja Bem-Vindo !!!

Aqui se reúnem as maiores mentes criminosas e os detetives mais perspicazes em um luta entre justiça e interesse. Venha e participe das aventuras que lhe aguardam em Londres. Inscreva-se e inicie essa jornada.

Aviso: Nosso site esta passando por uma renovação, estaremos parados nesse meio tempo, caso tenha se interessado se cadastre que entraremos em contato avisando da estreia.

Administração Detetive RPG



 
PortalPortal  InícioInício  FAQFAQ  BuscarBuscar  MembrosMembros  GruposGrupos  Registrar-seRegistrar-se  Conectar-seConectar-se  

Compartilhe | 
 

 Apresentação - Wayne Keller

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Ir em baixo 
AutorMensagem
Wayne Keller

avatar

Mensagens : 8
Data de inscrição : 08/07/2017
Idade : 32
Localização : Londres

Ficha de Personagem
Level: 1
HP:
116/116  (116/116)
Experiência:
0/0  (0/0)

MensagemAssunto: Apresentação - Wayne Keller   Dom Jul 16, 2017 10:04 am

Nome: Wayne Keller
Idade: 33


Personalidade: Desde que inventaram o trabalho e o sexo, ficou díficil definir uma personalidade que pudesse ser exata e nata. Ora, as pessoas sempre tentam moldar seu comportamento visível para atingir determinados interesses que na maioria das vezes são, ou uma transa ou uma possíbilidade de ganhar dinheiros. Dinheiros estes que servem pra comprar comida e conseguir mais sexo. Wayne Keller é um fotógrafo freelancer nas horas vagas e isso pede que ele seja uma pessoa pró-ativa, expontânea, e, principalmente, seguro de si. É ele quem fala primeiro e na maioria das vezes tem a palavra final. Se não fosse assim, raramente conseguiria clientes sem usar das artmanhas do puxa-saquismo, o que ele também sabe fazer se for necessário. Fora das circunstâncias profissionais, Wayne é prático no lide com os outros e isso o torna sincero demais. Na realidade ele só quer expor uma opinião ou uma ideia, sem ser eufemista - ele não gosta de eufemismo.



Nacionalidade: Irlandesa
Orientação sexual: Heterossexual
Aparência Física: Olhar (castanhos escuros) e bigodinho de puto. Cabelos pretos, lisos e ordenadamente desordenados. Peso corporal de oitenta e quatro quilos bem divididos em um metro e setenta e nove da altura. Pele branca que em partes é coberta por vestes casuais que variam de jaquetas jeans por cima de camisetas básicas na cor branca ou preta, calças jeans e botinhas.

                                                                                                         História:

 









A família de Wayne era classificada como a ralé da Irlanda. Seus pais, Samantha (mexicana) e Pedro (brasileiro) trabalhavam como garçons em um restaurante de Dublin. Eles estavam no pais de maneira ilegal e durante toda infância do filho (Wayne), passaram por dificuldades em relação aos estudos e atendimentos hospitalares. Os anos se passaram e seus pais conseguiram a autorização para permanecerem no pais. Mas, o espírito do garoto Wayne já havia sido moldado e ele tomou pra si a obrigação de ajudar em casa com as despesas. Foi nesse momento que se tornou fotógrafo. Após anos pedindo uma máquina fotográfica para os pais, ganhou uma polaroid. No início as pessoas pagavam pelas fotos em pontos turísicos apenas por simpatia para com o garoto de treze anos. Só que o garoto cresceu e aos dezenove já era um fotógrafo talentoso e com melhores equipamentos.

Seus pais tiveram que viajar ao Brasil, por conta da sua avó por parte de pai que havia adoecido. Os anos se passaram e, embora mantessem contato por telefone, Samantha e Pedro nunca retornaram para Irlanda. Com vinte e um anos, Wayne decidiu que queria se estabelecer em Dublin e construir algo que pudesse perdurar e ser aproveitado pelos pais quando estes retornassem. Foi então que surgiu a ideia de abrir um estúdio fotográfico. Este desejo só saiu da mente para realidade, quando, impaciente, Wayne aceitou um serviço diferente do que estava acostumado. Um conhecido do restaurante onde seus pais passaram anos pediu que Wayne fotografásse uma situação de possível traição. O trabalho feito lhe rendeu três mil Euros e um pouco mais, quando Wayne foi vender para a polícia as imagens do crime passional que seu conhecido havia cometido - o mesmo que havia lhe contratado anteriormente. Desde então, Wayne entendeu que poderia ganhar muito mais dinheiro apenas registrando o serviço sujo, afinal, suas lentes eram apenas os olhos do mundo que ficavam abertos a cada click.


Nos dez anos seguintes, Wayne se tornou renomado no mercado negro dos fotógrafos anômimos. Seus trabalhos eram requisitados em cada canto da Europa e o dinheiro vinha como água. Quando recebeu a notícia de que seus pais foram assassinados em um crime de latrocínio no Brasil, Wayne ficou depressivo e refletiu por muito tempo sobre um fato: ele fotografou ínumeras sujeiras na Europa, mas, seus olhos sem o zoom de uma lente, nunca se deram o trabalho de ter ido ao Brasil ver os pais que tanto trabalharam por sua infância. O baque foi grande e Wayne decidiu procurar por outros tipos de serviços. Já não fazia mais sentido, com seus pais mortos, manter uma vida de integridade frágil, onde apenas assistia o bem e o mal lutarem. Wayne queria participar, não só observar. Na primeira oportunidade em que Keller ouviu um colega reclamar da violência do genro, logo se ofereceu pra "resolver" o problema. Esse foi o primeiro assassinato de Wayne Keller. Manusear uma arma era fácil, difícil era não deixar suspeitas e aguentar os pensamentos acerca da existência humana e suas peculiaridades malucas.



Faz apenas dois anos em que Wayne se tornou um mercenário completo. Ele só faz a exigência da vítima (vítima no sentido mais amplo, pois em todo serviço tem um prejudicado) merecer seu destino e isso apenas ele poderia julgar. O dinheiro ganho, em sua imensa maioria, é de certa forma distribuído para quem cruza seu caminho e esta necessitado. O resto é gasto com aquilo que todo mundo gosta de gastar: bebidas, comidas, cigarro, roupas, luxos.


Seu paradeiro atual é Londres. Já esteve por lá algumas vezes, mas o desejo agora era de permanecer um bom tempo. Wayne cansou de não ter paradeiro fixo e imaginou que em Londres, onde tudo parece ser mais organizado, seus trabalhos como mercenário pudessem voltar a ser como antes: fotografando com máquina polaroid em pontos turísticos. Será apenas um sonho utópico?




"A câmera é um instrumento que ensina a gente a ver sem câmera."
Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário
Hugo Crepaldi
Soldado da Rainha
Soldado da Rainha
avatar

Mensagens : 12
Data de inscrição : 28/05/2014
Idade : 27
Localização : London/UK

Ficha de Personagem
Level: 5
HP:
300/400  (300/400)
Experiência:
100/500  (100/500)

MensagemAssunto: Re: Apresentação - Wayne Keller   Dom Jul 16, 2017 10:18 am

UP

----------------------------------------------------------------------------------

A guerra é um massacre de homens que não se conhecem em benefício de outros que se conhecem mas não se massacram.


Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário
Josh M. Heiselmann
Serial Killer
Serial Killer
avatar

Mensagens : 74
Data de inscrição : 29/01/2013
Idade : 27
Localização : Londres

Ficha de Personagem
Level: 999
HP:
550/999  (550/999)
Experiência:
999/999  (999/999)

MensagemAssunto: Re: Apresentação - Wayne Keller   Dom Jul 16, 2017 10:26 am

Ficha aprovada.
Faça o teste para mercenários em Registro Gerais.

----------------------------------------------------------------------------------

Assim como um leão não teme um chacal, em nenhum momento pense que tenho medo de você.


Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário
Conteúdo patrocinado




MensagemAssunto: Re: Apresentação - Wayne Keller   

Voltar ao Topo Ir em baixo
 
Apresentação - Wayne Keller
Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Voltar ao Topo 
Página 1 de 1
 Tópicos similares
-
» Script de apresentação antes do title
» [Apresentação] Singela Dualidade - Capítulo I
» Apresentação de Break
» Grupo 1 - Apresentação da Caça ao tesouro
» Apresentação - Ran Asakawa

Permissão deste fórum:Você não pode responder aos tópicos neste fórum
Detetive RPG BR :: Geral :: Registros gerais :: Registro de ficha :: Apresentação de Personagem-
Ir para: